A Mary Ann Apple Factory

O casal Mariana Salata e Otávio Posnik descobriram o mundo das maçãs caramelizadas enquanto viajavam pelos Estados Unidos. Quando retornaram ao Brasil, os dois tiveram o que a Mariana chama (em tom de brincadeira) de “crise de abstinência”. Foi então que eles começaram a fazer as maçãs em casa, pois não encontravam nenhum lugar que as vendesse em terras Tupiniquins.

Desde então, o nome “maçã do amor” nunca fez tanto sentido. Os primeiros a experimentarem as maçãs que o casal fazia foram os familiares e amigos, e acredito que todos tiveram a tal “crise de abstinência”, pois a demanda cresceu tanto que há um ano foi criada a primeira loja física da Mary Ann Apple Factory.

Se você está gostando deste post, clique aqui para continuar lendo na Gazeta do Povo.

Este post foi originalmente veiculado no blog Palpite de Alice, dentro da Gazeta do Povo no dia 05/10/2016.

Fotografia: Lorenzo Bernardi